Menos é sempre mais!

Há um bom tempo, os meios de comunicação se destacam pelo excesso de informação veiculada, a qual se caracteriza não pela diversidade, mas pela repetição dos mesmos assuntos, exaustivamente – e intencionalmente. Poucos são os veículos – e os jornalistas – que optam por uma linha editorial inovadora, não fazendo mais do mesmo e proporcionando um pensamento crítico sobre o contexto da notícia.

Com pandemia, esse “comportamento” que até então era “exclusivo” dos veículos de comunicação, ampliou-se para qualquer pessoa que se diz “produtora” de conteúdos digitais. É impressionante a quantidade de conteúdos repetitivos, publicados e discutidos nas redes sociais. Mais do mesmo e o mesmo de sempre. Só muda o layout ou os convidados para as conversas de Webinares – às vezes, nem isso!

Está cansativo. Está over.

A reflexão que venho fazendo é: o que está por trás de cada conteúdo publicado? Autopromoção; Propaganda; Venda; Propósito pessoal de “compartilhar conhecimento”; Baixa autoestima; Necessidade de afirmação – ou de ganhar autoridade…

O fato é: para cada motivo, há um algoritmo que pode ajudar! É só saber usá-lo.

Em meio a tudo isso, decidi não retornar com o programa Expediente agora.

Não no formato que ele vinha sendo apresentado – mais do mesmo. Acredito e defendo que menos é sempre mais!

Pausa para inspirAÇÃO.

1 comentário em “Menos é sempre mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.