EaD se consolida no Brasil

Dados do Censo do Ensino Superior, divulgado no dia 19 de setembro pelo Ministério da Educação e pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), revelam que, pela primeira vez, a oferta de vagas nos cursos de graduação na modalidade a distância (EaD) ultrapassa o número de vagas disponibilizado na modalidade presencial: em 2018, foram 7,1 milhões de oportunidades no ensino a distância – um crescimento de 4,7 milhões comparado ao ano anterior – contra 6,3 milhões em cursos presenciais. Esse resultado é reflexo do aumento dos cursos de graduação a distância (50%), já constatado em edições anteriores do Censo.

O número de matrículas na modalidade EaD também cresceu, atingindo mais de 2 milhões em 2018, representando uma participação de 24% do total de matrículas na graduação. Num período de 10 anos (2008-2018), houve um aumento de 183% nessas matrículas de cursos a distância, enquanto na modalidade presencial, o crescimento foi de apenas 26% no mesmo período.

Com relação ao número de concluintes, também foi maior nos cursos de graduação a distância: 9% em relação a 2017; nos cursos presenciais esse aumento foi de 4,5%.

O Censo revela, ainda, o domínio de alguns grupos educacionais privados no ensino superior a distância: apenas cinco instituições particulares concentram mais de 50% dos alunos que cursam EaD.

No contexto dessa expansão vale citar: em 2017, o decreto que flexibilizou os parâmetros para a EaD no ensino superior; no final de 2018, a Portaria que ampliou para 40% o limite de aulas na modalidade a distância em graduação presencial; e, mais recentemente, a Portaria que permitiu, pela primeira vez, cursos de pós-graduação strictu sensu (mestrado e doutorado) a distância.

De fato, o ensino a distância vem se consolidando no Brasil por atender, primeiramente, uma questão econômica, uma vez que os cursos são, em média, até 70% mais baratos que os presenciais, e, segundo, pelo aspecto democrático, alcançando pessoas de qualquer parte do país.

Essas e outras discussões, tendências e realidades da EaD no Brasil serão abordadas também no 25º Congresso Internacional ABED de Educação a Distância (CIAED), que acontecerá entre os dias 20 e 24 de outubro, na cidade de Poços de Caldas (MG).

 

Fontes: Censo da Educação Superior / Globo.com / Rádio CBN


Crédito da foto: Pixabay

 

Follow and like
Facebook
Facebook
Twitter
Visit Us
LinkedIn
Instagram
YouTube
YouTube
Palavras-chave:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.